0
A pitangueira (Eugenia uniflora L.) é uma planta muito rica.

Suas folhas são usadas no tratamento de febre, doenças estomacais, hipertensão, obesidade, reumatismo, bronquite, doenças cardiovasculares e reidratação nos casos de diarreia.

Tem ação antioxidante, calmante, anti-inflamatória e diurética.

Na composição da pitanga, destacam-se as antocianinas, pigmentos antioxidantes; os carotenoides, importantes na prevenção de doenças degenerativas, como doença arterial coronária, catarata e câncer; e os fenóis, que funcionam como antiinflamatórios celulares.

Algumas dessa substâncias atuam sobre o câncer, protegendo o DNA celular contra mutações com possibilidade de levar à formação de um câncer.

A pitanga tem vitaminas e substâncias químicas em sua composição que proporcionam efeitos benéficos à saúde, melhorando a defesa do organismo contra microorganismos e também contra a ação de radicais livres. Suas folhas têm componentes que atuam como fármacos, diminuindo a pressão arterial e aumentando a diurese.

O extrato da folha da pitangueira atua contra vermes.

O chá é excelente para combater doenças da próstata e também normaliza a pressão arterial.

Além disso, contribui (associado a dieta) para a perda de peso.

Ainda não acabou.

As folhas da pitangueira têm uma substância chamada pitanguina, que é ótima para quem tem diabetes e é calmante.

A pitanga é rica em vitamina A e tem muito licopeno, uma substância que combate o envelhecimento precoce e até o câncer.

A preparação do chá é bem simples.

Veja do que você vai precisar:

INGREDIENTES

3 colheres (sopa) da folha da pitangueira

1 litro de água

MODO DE PREPARO

Coloque a água para ferver.

Assim que entrar em ebulição, adicione as folhas, espere um pouco e desligue o fogo.

Tampe a panela.

Tome ao longo do dia.

Se for para tratar a próstata ou normalizar pressão e/ou glicose, consuma o chá dessa forma por 30 dias.

Faça depois os exames para avaliar os efeitos.

Se possível, além do chá das folhas, consuma o fruto da pitangueira.

IMPORTANTE!

O chá da pitangueira não deve ser consumido de forma exagerada nem por muito tempo, pois pode levar a perdas significativas de potássio.

Por isso, quem tem problemas cardíacos deve evitar o consumo deste chá.

Essa dica de saúde não substitui um especialista. Consulte sempre seu médico.

Fonte: curapelanatureza

Postar um comentário

Você Repórter

Você Repórter
 
Top