0
A prefeita de Coreaú, Érika Cristino (PDT), pode ter seu pedido de registro para as eleições de 2016 impugnado pela Justiça Eleitoral. A coligação "Coreauenses Unidos e Fortes" que tem como candidato Carlos Roner (PSDB), entrou com uma representação, fundamentando a falta de desincompatibilização da prefeita do cargo de presidente do Consórcio Público de Saúde da Microrregião de Sobral. 

A lei eleitoral determina que a referida desincompatibilização deve ocorrer 6 meses antes do pleito, ou seja, no dia 02 de abril de 216, o que não ocorreu.

É importante destacar que os presidentes de consórcios públicos de outras microrregiões obedeceram a lei eleitoral, notadamente o presidente do Consórcio da Microrregião do Crato, Moésio Loiola, que se desincompatibilizou no dia 02 de abril de 2016.

Fonte: Sobral 24 horas

Postar um comentário

Você Repórter

Você Repórter
 
Top