0
Com frase do psiquiatra e escritor Augusto Cury, o cantor Felipão respondeu às críticas que vem recebendo por conta de sua volta ao Forró.  “A capacidade de se colocar no lugar do outro é uma das funções mais importantes da inteligência. Demonstra o grau de maturidade do ser humano”, publicou o vocalista.

Quase uma década após anunciar o desligamento da banda Forró Moral (a última apresentação foi em 2008, em Campina Grande), a conversão para a religião evangélica e a posterior entrada na carreira gospel; o cantor retorna ao forró neste ano. A decisão nada agradou uma parte dos “fãs” que criticaram a decisão.
No passado, Felipão tinha músicas ousadas — para a igreja — no repertório e chegava até a fazer “streaptise” durante shows.
Em resposta às críticas, o cantor publicou um “textão” em seu perfil no Instagram, neste domingo (29). “Tenho sido questionado nos últimos dias por pessoas queridas e fãs sobre estar abandonando a igreja, a minha fé. Não, não estou abandonando nenhuma das duas”, garante Felipão.
“Estou retomando minha carreira procurando entender o que Ele espera de mim nesta nova fase e qual o meu papel na música nacional. Estou muito consciente que não terei a aprovação de todos, mas não tenho dúvidas que terei o amor e as orações daqueles que me amam de verdade”, desabafa.
*** Informações com Diário do Nordeste

Postar um comentário

Você Repórter

Você Repórter
 
Top