0
Pais de estudantes passaram a madrugada desta terça-feira (09) em frente a escola de ensino médio Elza Goersch (EEM), em Forquilha na fila para conseguir matricular os filhos para o ano letivo de 2018.

Como foi o caso da dona de casa Neli, que revelou as dificuldades de conseguir uma vaga na Rede Estadual de Ensino. “Pela primeira vez, estou enfrentando essa situação, estamos arriscando a nossa vida por uma vaga,”, revela a dona de casa.

Segundo informações de populares, no local informaram que seriam apenas 150 vagas disponíveis para o turno da manhã. Até o fechamento desta matéria não conseguimos contato com a direção da escola.

Reportagem de Fabiano Silva & Adelino Santos

Postar um comentário

Você Repórter

Você Repórter
 
Top