0
Mais um mototaxista é assassinado na região Metropolitana de Fortaleza. Foi o segundo caso registrado pela Polícia nas últimas horas. Desta vez, o caso aconteceu no Município de Aquiraz, onde a vítima foi levada até uma estrada deserta e ali executada a tiros. Crimes estão ainda sendo investigados pela Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

O mototaxista identificado como Hiltemar Siqueira Paixão, 38 anos, conhecido como “Argentino”, foi encontrado morto em uma estrada de terra na localidade Caponga da Bernarda, no Município de Aquiraz, na tarde desta terça-feira (29). Conforme a Perícia Forense comprovou, ele foi atingido por vários tiros.
A moto de “Argentino” foi encontrada a cerca de 100 metros do corpo. Aparentemente, nada foi roubado, o que levou as autoridades a descartar, a princípio, a hipótese de um crime de latrocínio (roubo seguido de morte). A investigação aponta para uma suposta morte por “acerto de contas” do tráfico ou uma vingança. “Argentino” já respondia por envolvimento em tráfico de drogas e um assassinato.
Ele apanhou um passageiro no Centro da cidade de Pindoretama (42Km de Fortaleza) e seguiu até Caponga da Bernarda, no vizinho Município de Aquiraz, onde acabou morto.

Outro

O primeiro mototaxista assassinado era Joílson Barros do Nascimento, 32 anos. O corpo dele foi encontrado em meio a um matagal na localidade de Genipabu, nas margens da BR-222, no Município de Caucaia. As suspeitas são de um assalto seguido de morte, já que a carteira com dinheiro e documentos da vítima desapareceram. Joílson foi morto a golpes de facão. 

Fonte: Blog do Fernando Ribeiro

Postar um comentário

Você Repórter

Você Repórter
 
Top