0
Depois de três dias de mobilização da polícia por toda a Europa, um jovem de 19 anos que assassinou um menino de 9 anos e divulgou as imagens na internet foi preso. Marcel Hesse, detido na Alemanha, chegou a enviar os registros pelo WhatsApp a um amigo, e escreveu que “pessoas morrem lentamente quando você as esfaqueia”, em referência à morte do garoto Jaden, golpeado por ele 56 vezes.
Em um post numa sala de bate-papo na internet, Hesse deu indícios de que pode ter cometido um segundo assassinato. “Eu cortei a minha minha mão ao lutar com um animal de 120 kg”. Segundo testemunhas, Hesse entrou em uma loja e pediu que os funcionários chamassem a polícia. “Eles estão procurando por mim”. Perto dali, mais um corpo foi encontrado, possivelmente de uma segunda vítima.
A polícia alemã afirma que outros dois corpos foram encontrados e suspeita que Hesse seja o assassino.
Ao “Mirror”, o padrasto de Jaden deu detalhes da cena de horror que encontrou no porão de casa. “Eu o encontrei num lago gigante com seu próprio sangue (...) A imagem do meu enteado morto... Nunca vou esquecer isso”, contou Pascal R., de 34 anos.
As informações são do “Mirror” e do “Daily Mail”.

***** Informações com: Extra

Postar um comentário

Você Repórter

Você Repórter
 
Top