0
Uma operação do Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE), deflagrada na manhã desta quinta-feira (30), apreendeu cerca de R$ 300 mil em uma fazenda do prefeito do município de Tururu, a aproximadamente 107Km de Fortaleza. Na deflagração da ‘Operação Caracol’, foram cumpridos mandados de busca e apreensão para investigar supostas fraudes em licitações na Prefeitura daquela cidade.
A suspeita era que as fraudes nas licitações, a maioria delas na Secretaria de Ação Social de Tururu, ocorreram por meio da falsificação de assinaturas e de associações. Os trabalhos foram conduzidos pela Procuradoria dos Crimes Contra a Administração Pública (Procap) do MPCE, com o apoio do Grupo de Atuação Especial de Combate às Organizações Criminosas (Gaeco), Polícia Civil e Perícia Forense do Ceará (Pefoce).
As buscas aconteceram na residência do prefeito Raimundo Nonato Barroso Bonfim, em Fortaleza, em sua fazenda na cidade de Tururu e na sede da Prefeitura Municipal.
A reportagem entrou em contato com a Prefeitura de Tururu, mas foi informada que o prefeito estava viajando e que não havia ninguém que pudesse fornecer qualquer explicação sobre o caso. Também tentamos contato, sem sucesso, com o advogado do prefeito.
Fonte: Diário do Nordeste

Postar um comentário

Você Repórter

Você Repórter
 
Top