Os familiares de Antônio Araújo da Silva conseguiram manter contato com  o mesmo na noite de ontem, dia 06, através de ligação telefônica.  A informação é que, Antônio, pelo tom da voz, apresentava sinais  de intenso cansaço e poucas condições de prestar informações detalhadas naquele momento, mas consolou a família comunicando que já estava tudo bem, e que em outro momento relataria todo o ocorrido.


Há mais de um mês, no último contato com a família, Antônio informou que teria sido ameaçado de morte por um funcionário da Fazenda Vitória, situada na cidade de Juscimeira, no Estado do Mato Grosso, na localidade Pedra Preta, onde estava trabalhando desde o mês de setembro deste ano, 2013.  Ele reclamou da quebra de contrato salarial, e isto teria sido o motivo da ameaça. Havia também a suspeita de que ele poderia estar sendo vítima de trabalho escravo.


O caso foi informado para os órgãos da Justiça local, que adotaram as cabíveis providências envidando esforços para encontrar o trabalhador camocinense.

Fonte: Revista Camocim
 
Top