0
A Polícia Federal deflagrou na manhã desta quarta-feira (18) a Operação Barba Negra para desarticular grupo que administrava o site Mega Filmes HD, especilizado na transmissão de filmes online. A ação da polícia aconteceu devido à recorrente prática de crimes contra os direitos autorais pela internet. Duas pessoas foram presas e outras cinco foram conduzidas coercitivamente para serem ouvidas. Foram cumpridos quatro mandados de busca e apreensão nas cidades de Cerquilho (SP), Campinas (SP) e Ipatinga (MG). A pedido da PF, foram bloqueadas as contas bancárias dos 7 suspeitos de gerenciar o site.
 O site possui atualmente um acervo com cerca de 150 mil filmes, documentários, séries de TV e shows; segundo a Polícia Federal. Havia transmissão de programas antes mesmo das estreias oficiais. O grupo cobrava pela publicidade exibida em seu site, de onde obtinha sua renda. Até às 11h40 de hoje o site continuava operando. Os investigados serão indiciados pela prática de crimes de constituição de organização criminosa e de violação de direitos autorais.
Ações semelhantes encerraram outros serviços - Autoridades têm fechado o cerco com ações contudentes contra a pirataria. No fim de outubro, o FBI encerrou as atividades do aplicativo Popcorn Time, que oferecia gratuitamente streaming de filmes via torrent. A ação aconteceu após a prisão e acordo entre os administradores do serviço e os agentes federais. Em maio deste ano, foi a vez do Groovy Shark, oferecendo transmissão em streaming gratuito de música, também "fechar as portas" após a ameaça de processos milionários contra os proprietários do site devido às inúmeras infrações aos direitos autorais de gravadoras e artistas.
** Diário do Nordeste

Postar um comentário

Você Repórter

Você Repórter
 
Top